04 de Outubro de 2007

Era meia-noite e com 6 anos, estava eu enrolado a um cobertor com uma fatia de pão alentejano barrada com camadas e camadas de manteiga. Foi a primeira vez que Nightmare on Elm Street invadiu a tv portuguesa.

 

Estranho ao que eu poderia pensar, não tive pesadelos, tão pouco entendi o filme na altura. Estava tão assustado que me escondia debaixo do cobertor regularmente e só uma memoria ficou intimamente ligada a esse momento. Quando Freddy, aparece pela primeira vez com os braços gigantescos a roçar as paredes fazendo aquele som arrepiante com as garras. Cada vez que revejo essa cena lembro-me do pão, do cobertor e do meu pânico desse momento.

 

Quando tinha 15 ou 16 anos, redescobri o Pesadelo em Elm Street. Redescobri não só o primeiro, mas vários que se seguiram. E fiquei de certo modo fã, da saga. Foi através dela que descobri o Sexta-Feira 13, O Massacre no Texas ou mesmo o excepcional Halloween de John Carpenter. A obra-prima de Wes Craven, abriu-me as portas para o cinema de terror.

 

Nestes últimos dois dias estive doente e deitado no sofá, acabei por me decidir a rever filmes, de modo a que revi todos os filmes da saga Nightmare on Elm Street. Comecei no primeiro e só me falta ver o Freddy Vs Jason, para acabar com a saga. Decidi ainda enfermo, fazer a critica a um dos melhores filmes do género que já alguma vez vi.

 

Este filme esteve para…não ser! Wes Craven teve uma ideia maluca, sobre um desgraçado queimado que andava a matar e a torturar criancinhas nos sonhos das mesmas. Ninguém pegou no argumento escrito por Craven. Vivia-se uma altura em que o cinema de Horror, estava voltado para uma vertente muito menos fantástica e mais real. Sexta-Feira 13, antes do período em que Jason dominou a saga, era sobre uma mulher que procurava vingança. Por seu turno Michael Myers era apenas um paciente fugido de um hospício que andava atrás da irmã. Ninguém se atreveu a pegar no argumento. Ninguém excepto, Bob Shaye. Bob Shaye, da New Line Cinema, foi a única pessoa para além de Wes Craven com a visão e o acreditar que este filme seria um sucesso. A New Line Cinema, na altura completamente falida, era apenas um distribuidor de filmes e foi aqui que teve a sua grande sorte. Sorte, pois a Paramount não quis comprar os direitos do filme. Shaye ainda diz hoje, que foi mesmo obra de Deus o facto de não conseguir vender o filme. Salvou assim a empresa da ruína.

 

Ao contrário do que se pensa, o trabalho em volta da figura de Freddy, o envolvimento da personagem (pelo menos no que ele era neste filme), a própria escolha das cores da camisola, foram todas estudadas ao milímetro por Wes Craven. Não foi um filme pensado às 3 pancadas, nem sequer era suposto ter sequela, quanto mais saga. Há vários mitos sobre a origem desta personagem, pelo que li em entrevistas de Craven e em documentários que vi, Freddy tem duas origens. O nome surge de um miúdo rufia que lhe fazia o espancamento habitual que existe na história de qualquer norte-americano: há sempre uma criatura qualquer na escola que bate em toda a gente, esse sujeito tinha o nome de Frederick, pelo que deu origem ao nome da personagem. A segunda “fonte de origem” foi um velho vagabundo com um “chapéu” que o ficou a fitar durante minutos a fio, quando ele era uma criança e lhe pregou um cagaço do caraças! O velho tinha um ar extremamente queimado.

 

A escolha por Robert Englund para Freddy não foi fácil, Wes Craven queria alguém mais velho para fazer o papel, mas foi no fundo a persistência de Robert que o fez convencer. Para o papel de Nancy (a heroína do filme) a escolha teria de recair sobre alguém que passasse por uma rapariga típica americana, a babysitter em quem toda a gente confia. Estiveram no casting nomes como Demi Moore ou Courtney Cox, mas quem foi escolhida foi Heather Langenkamp. É sem sombra de dúvida a inimiga de Freddy mais adorada de todos os filmes. Curiosamente este é o primeiro filme desse colosso do cinema: Johnny Depp!

 

Após revisionar este filme, não consigo deixar de me apaixonar novamente por ele. Temos aqui uma obra-prima, que é genuinamente assustadora e brilhante. A forma como Craven (que o filmou em 30 dias) conjugou a escuridão e desenhou esta batalha entre o bem e o mal é inédita (era, até então).  

 

Uma amiga de Nancy, está a ser perseguida em sonhos. Com medo de dormir sozinha convida Nancy para passar a noite com ela. Nancy, mais o namorado Glenn (Depp) vão passar a noite com a amiga Tina e em conversa apercebem-se que todos sonham com a mesma personagem misteriosa, horrivelmente queimado, com uma camisola às riscas e com uma luva com garras na sua mão direita. Nessa noite a dormir com o namorado (que entretanto tinha chegado), Tina é morta por esse “ser” no seu sonho. O sonho é transposto para a realidade e Tina morre na vida real também. É daqui em diante que Nancy, vai ter de enfrentar o seu maior desafio. E…

 

E.. vocês vão ter de ver o filme. É dos melhores filmes de horror que existem. E neste género… temo dizer que só o Halloween o bata… Mas também é só a minha opinião!

 

10/10

P.S. Sobre a luva e a sua origem falarei mais tarde… Isto é… se chegar a acordar…

publicado por Ricardo Fernandes às 17:42 link do post
tags: ,
Quando vi o freddy pela primeira vez, não consegui dormir bem durante pelo menos uma semana. A ideia é mesmo genial e aterrorizadora!

Hoje em dia, continuo sem o conseguir ver! Marcou definitivamente a minha vida!
free speaker a 4 de Outubro de 2007 às 21:19
One, two, Freddy's coming for you...
Three, four, better lock your door...
Five, six, grab your crucifix...
Seven, eight, gonna stay up late...
Nine, ten, never sleep again.


Filipa a 7 de Outubro de 2007 às 20:45
Este eu vi mal sabia o Johnny depp que dali a uns tempos era ele quem iria usar uma luva com lâminas.

Também vi um em que no fim as crianças têm super poderes nos sonhos penso que era o 3, mas o 1 é muito melhor.
_loot_ a 11 de Outubro de 2007 às 18:41
Pois, este é o filme que mais medo me provocou na infância. É excelente na sua capacidade de assustar, mesmo sendo um filme realizado com poucos meios...

Abraço
Citizen Kane a 14 de Novembro de 2007 às 17:14
Outubro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
20
21
22
23
26
27
28
30
31
Posts mais comentados
23 comentários
22 comentários
20 comentários
20 comentários
20 comentários
19 comentários
17 comentários
16 comentários
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
2016...Para Luz eu te ordeno!..Para luz eu te Orde...
De mora muito parece que n gosta de ganhar dinheir...
Postagem de 2006 comentários 2012 e ja no final de...
To esperando até hoje!! kkk..
cara o jason é o maior maniaco dos filmes o filme ...
Eu me apaixonei com ele
2014 E NADA DE CONSTANTINE 2 ???????????
Gosto muito deste filme não só gosto...
Ele é um boneco muito ruin. Apesa tamb&eacu...
Deculpa mas é velho mesmo
blogs SAPO