29 de Março de 2007

Eu podia ficar aqui horas a falar do génio de Carpenter... mas para quê? A informação está disponivel no imdb. É um dos meus realizadores favoritos, e aqui estão os primeiros 5 dos 10 filmes que mais gosto de Carpenter.

10. Village Of The Damned

Não é o pior filme de Carpenter, é apenas o pior destes 10. Optei por este em vez do “Assalto à 13ª Esquadra”, não por ser melhor, aliás acho que ambos ficariam bem em 10º, mas pelo facto de ter um Christopher Reeves que em nada se assemelhou à imagem de Super-Homem que tinha dele e também o ultimo filme antes do acidente.

A história é simples e não tão interessante nos dias de hoje, mas foi um grande remake de um filme de 1960:

“Uma estranha forma de vida, visita uma pequena cidade dos E.U.A., na qual deixa todas as mulheres grávidas. Nove meses depois nascem as crianças e os país cedo percebem que não estão na presença de seres “humanos”.”

Quotes:

“Mara: Emotion is irrelevant, it is not our nature
Alan: I'm not sure you're right about that, Mara.
Mara: Still you are aware of the others so you must be in some basic sense aware of who... what we are.”

In Village of the Damned (1995)


9. The Fog

Carpenter gosta muito de trabalhar com quem ele entende ser profissional. Neste filme estiveram presentes alguns repetentes como Jamie Lee Curtis e Adrianne Barbeu (que era sua esposa na altura). Embora não tenha gostado quase nada do recente remake, o “The Fog” original, não foi muito melhor.

Teve no entanto o génio de Carpenter, a música de órgão do mesmo e um marketing excepcional:

·         What you can't see won't hurt you... it'll kill you!

·         Lock your doors. Bolt your windows. There's something in THE FOG!

·         When the fog rolls in... the terror begins!

·         It is night. It is cold. It is coming.

A trama é a seguinte: O centenário de uma pequena cidade à beira-mar está a aproximar-se. Enquanto o “povão” organiza a festa, as vítimas do crime pelo qual a cidade foi fundada, erguem-se do mar em busca de vingança. Dentro do nevoeiro está a morte, principalmente para os descendentes dos fundadores da cidade.

Quote:

“Kathy Williams: Sandy, you're the only person I know who can make "Yes, Ma'am" sound like "screw you".
Sandy Fadel: Yes, Ma'am.”

In The Fog (1980)



8. Starman

Starman, foi um filme diferente para o vasto público de Carpenter. Habituados com filmes fantásticos ou de terror, acabou por surpreender toda a gente com um filme extremamente “humano”. Jeff Bridges foi inclusivamente nomeado para melhor actor para a estatueta dourada.

Embora no campo fantástico, foi um filme que transmitiu valores, formas de estar e mostrou como um extraterrestre pode ser mais humano que os humanos. Um pouco à imagem do Super-Homem (ou o discurso final de Sarah Connor sobre o governador Sovaconegro, na altura mais conhecido com “Eistirminadô”).

Foi um registo diferente para Carpenter e o reconhecimento público perante Hollywood. Ainda que uns anos antes tenha ganho um Óscar por melhor argumento em 1970, este foi definitivamente o filme que o colocou no mapa.

 

“Um extraterrestre desce à terra e toma a forma do companheiro de uma jovem viúva. Sem acreditar no que está a fazer, ela leva-o de Wisconsin até ao Arizona, onde ele tem de voltar à sua nave. Ao mesmo tempo que são perseguidos pelas autoridades, ele torna-se cada vez mais humano.”

 

Starman: Define shit.”

 

In Starman (1984)

 


 

7. In The Mouth Of Madness

 

Com um dos actores mais profissionais e competentes que conheço (Sam Neill), “In the Mouth of Madness” é um filme apaixonante no que toca à eterna luta entre o bem e o mal.

Sam Neill, como referi, está como sempre: Magnifico! Eu acredito até que o homem não sabe representar mal e se Jurassic Park III (não falo do primeiro pois esse é um marco) teve alguma espécie de sucesso, isso deve-se a Neill.

 

“Quando o escritor de terror Sutter Cane desaparece, o Inferno sobe à terra… Literalmente! É então que John Trent, um investigador de seguros, é enviado para descobrir a verdade sobre Cane. Na sua pesquisa vai parar a uma cidade pequena chamada Hobb’s End. Há apenas um problema… A cidade é um produto da imaginação do escritor, não existe e John está lá. Os problemas começam aqui…”

Quote:

 

John Trent: Every species can smell its own extinction. The last ones left won't have a pretty time with it. In ten years, maybe less, the human race will just be a bedtime story for their children. A myth, nothing more”.

 

In In the Mouth of Madness (1995)



 

6. They Live

 

Este filme foi um marco nos meus 11 ou 12 anos. Nem sabia quem era o Carpenter na altura, mas sabia perfeitamente quem era o Roddy Piper. Para quem não sabe Piper é um famoso lutador de wrestling presente na antiga WWF (embora volta e meia ainda aparece na WWE). Baseado numa “short-story” de Ray Nelson, o argumento foi adaptado pelo próprio John Carpenter. Um facto extremamente curioso é que Piper não tem nome no filme, nem nunca é referido por algum nome. Aliás nos créditos, ele vem referido como “Nada”, uma analogia ao espanhol e não ao português.

 

“Um construtor civil desempregado, encontra um par de óculos de sol especiais. Estes óculos, permitem-lhe ver o mundo como ele é verdadeiramente. Tudo o que é publicidade, afinal são mensagens subliminares como: Submetam-se à autoridade; mantenham-se dormentes; etc. O mais assustador no entanto é que existem certas pessoas que afinal são… extraterrestres!”

 

Quote:

 

Nada: I have come here to chew bubblegum and kick ass. And I'm all out of bubblegum.

 

In They Live (1988)



Aguardem os ultimos cinco!
publicado por Ricardo Fernandes às 12:04 link do post
tags:
big trouble in little china tem q tar no top 3!!!

;)
Dreamweaver a 29 de Março de 2007 às 15:02
Vamos ver :D
Março 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
16
17
18
20
21
22
23
24
25
28
31
Posts mais comentados
23 comentários
22 comentários
20 comentários
20 comentários
20 comentários
19 comentários
17 comentários
16 comentários
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
2016...Para Luz eu te ordeno!..Para luz eu te Orde...
De mora muito parece que n gosta de ganhar dinheir...
Postagem de 2006 comentários 2012 e ja no final de...
To esperando até hoje!! kkk..
cara o jason é o maior maniaco dos filmes o filme ...
Eu me apaixonei com ele
2014 E NADA DE CONSTANTINE 2 ???????????
Gosto muito deste filme não só gosto...
Ele é um boneco muito ruin. Apesa tamb&eacu...
Deculpa mas é velho mesmo
blogs SAPO