08 de Abril de 2008

Underworld foi a estreia de Len Wiseman como realizador. Foi também o veiculo que tornou Kate Beckinsale uma das mais desejadas actrizes (pelo menos fisicamente) em Hollywood. Para Wiseman e Beckinsale, o filme não trouxe só sucesso, uma vez que se conheceram e casaram nesta produção.

 

A história envolve um confronto secular entre vampiros e lobisomens. Chegados a uma altura de impasse, os lobisomens tentam, através do seu líder Lucian (Michael Sheen), encontrar o único descendente vivo dos seres que originaram estas duas linhas de vampiros e lobisomens: Michael Corvin (Scott Speedman). Corvin, um inocente no meio desta guerra, vê-se envolvido com a heroína da história, a vampira Selene (Kate Beckinsale), quando esta tenta descobrir os mistérios por detrás de uma cabala que pode destruir toda a sua espécie.

 

O filme é extremamente interessante, pois cria todo um universo à parte do que habitualmente vemos em filmes de vampiros ou lobisomens. A história de Len Wiseman e Kevin Grevioux (um lobisomem no filme) acabou por transmutar o universo do cinema, para jogos e para duas sequelas, sendo que uma delas irá para o cinema só em 2009. Como curiosidade, houve uma data de processos de várias companhias por roubo de direitos de autor. Parece que a história vai de encontro com situações de jogos como Vampire Mascarade: The Bloodlines e algumas histórias de BD. Como primeiro filme de Wiseman, há imensas falhas. Ora na forma como conta a história, onde há buracos que não são preenchidos no argumento, ora nos efeitos especiais como o decepar de cabeças sem vestígios de sangue ou traços que indiciam a separação dos membros. É no entanto de salutar o esforço desenvolvido no processo e temos de admitir… o filme tem estilo. A razão desse estilo acaba por ser a actuação de Kate Beckinsale, que vestida em cabedal preto, não pela sua actuação, dá outro animo à longa-metragem. Beckinsale já era conhecida do grande publico, embora fosse aquele conhecido… que não se conhece. Foi o “cabedal” que a meteu na boca do mundo e na capa de inúmeras revistas.

 

Se estão cansados de filmes sobre vampiros com problemas de moralidade ou que se apaixonam por belas humanas e desistem da sua imortalidade, este é o vosso tipo de filme. Sempre poderão ter noção de que caminho percorreu Len até chegar a Die Hard 4.0.

7/10

Como disse uns posts abaixo o filme tem a curiosidade de ter Wentworth Miller (Michael Scofield, Prison Break) e Sophia Milles (série Moonlight) em pequenos papeis. Miller concorreu para o papel de Michael Corvin, mas perdeu por não ser desenvolvido fisicamente.

publicado por Ricardo Fernandes às 14:26 link do post
tags: ,
Concordo é um filme simpático é simples, podia ser muito melhor mas vi-o bastante bem.

Agora o trunfo para mim (além da Beckinsale em cabedal) é a banda sonora que é magnífica, com David Bowie e Maynard James Keenan (Tool), Puscifer e um remix da primeira grande balada que eu ouvi dos Slipknot (ou esta última é do segundo filme?? já não me lembro).

Abraço
Loot a 8 de Abril de 2008 às 14:58
Apesar de NUNCA me cansar de filmes sobre vampiros lindos e sensíveis gostei deste filme. A sequela ainda não vi, por isso não comentei em cima :P
Sim, aquela fatiota dela deve dar imenso jeito para lutar...
Filipa a 8 de Abril de 2008 às 17:53
a ela n sei... mas o resto da malta gostou... não queres comprar um?
ah ah ah very funny :P
Filipa a 8 de Abril de 2008 às 17:58
Abril 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
19
20
24
25
26
27
29
Posts mais comentados
23 comentários
22 comentários
20 comentários
20 comentários
20 comentários
19 comentários
17 comentários
16 comentários
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
2016...Para Luz eu te ordeno!..Para luz eu te Orde...
De mora muito parece que n gosta de ganhar dinheir...
Postagem de 2006 comentários 2012 e ja no final de...
To esperando até hoje!! kkk..
cara o jason é o maior maniaco dos filmes o filme ...
Eu me apaixonei com ele
2014 E NADA DE CONSTANTINE 2 ???????????
Gosto muito deste filme não só gosto...
Ele é um boneco muito ruin. Apesa tamb&eacu...
Deculpa mas é velho mesmo
blogs SAPO